O Amigo Concorrente

Olá Psi´s! Tudo bom?

Por aqui nós acreditamos na colaboração, e que é possível ter uma troca saudável com pessoas que estão atuando com um mesmo público.

Mas, o que fazer quando alguém se posiciona como nosso concorrente de maneira agressiva?

Este é um tema tenso, porque a maioria dos psi´s não quer isso, nós também não queremos. Mas, o ser humano cria lá suas disputas, não é mesmo?

O que fazer quando outro profissional fala mal do seu trabalho publicamente ou no privado?

Algumas criticas, podem ser boas aliadas, na medida que indicam erros para serem corrigidos, mas como agir em relação a quem quer ser concorrente destrutivo?

Considere ele seu amigo!

Não amigo daqueles que você vai abraçar, beijar e ter carinho. Mas seu amigo na medida que toda a tensão gerada, pode servir para novas ideias, criatividade e uma maior atenção para o que estamos fazendo.

Costumo dizer que um concorrente é como a raia de uma piscina de natação, se você esbarra nela é porque não esta nadando em linha reta.

Foque no seu curso, trace a sua linha. Olhe para o lado para não esbarrar nas raias, mas nunca, em hipótese alguma, tente arrancar a raia dali ou entre nos jogos de concorrência.

Ficar brava e chateada com a raia também não melhora nosso curso.

Contudo, não finja que não existem as raias, porque se elas estão ali é necessário ter atenção.

Por fim, evitem o termo concorrente, porque pressupõe uma disputa.

A nossa maior disputa não deve ser em relação aos outros, mas em relação a nós mesmos. Melhorar e desenvolver sempre!

Se alguém se assume concorrente, é um direito da pessoa, mas não é um jogo para ser jogado por você!

Nosso mundo, esta (ainda bem) aprendendo a trabalhar dia a dia mais em colaboração do que em disputa e concorrência!

Se você gostou desta Reflexão, deixe sua opinião aqui abaixo.
Cadu Borbolla
“Empreenda Psi, de mãos dadas com a sua independência”

Saiba Tudo Sobre o Que você Quiser

Saiba Tudo Sobre o Que você Quiser!

Já pensou se fosse possível?

Oi Psi, tudo bom?

De tempo em tempos nós fazemos buscas na internet sobre determinados assuntos para nos manter atualizados, certo?

É assim que sabemos das novidades do mundo, estimulamos nossa criatividade, conhecemos novas técnicas para profissão e checamos como anda a nossa imagem e de outros profissionais da web.

Isso dá trabalho, é verdade, e é dificil saber o que é realmente novo. Porque as pesquisas do Google, não priorizam as coisas novas.

Mas, e se eu fizesse uma pesquisa semanal para você e mandasse apenas as novidades no seu email, você iria gostar?

Pois então, o google oferece esta ferramenta e poucas pessoas sabem disso.

É chamado Google Alertas, você pode acessá-lo aqui: http://www.google.com.br/alerts.

Você só precisa ter um e-mail do google (Gmail) e já pode usar.

Basta escrever o que você quer procurar e criar um alerta.

Ele te permite escolher a frequência da pesquisa, locais onde ele vai procurar, o idioma, região, quantos resultados ele deve te mostrar e o e-mail onde ele deve enviar a busca, é bem fácil e intuitivo. Quebra um super galho!

E adivinha qual o primeiro termo que você deve pedir para o Google Alertas Vigiar?

O seu nome, é claro!

Assim, se alguém falar algo sobre você em algum site, matéria ou se surgir uma notícia sobre você, é provável que você fique sabendo.

Mas, e aí Cadu, o que eu faço se alguém falou de mim?

Agradeça, faça contato, estabeleça relações com pessoas que tem alguma afinidade com você.

Se, alguém falou mal, em algumas circunstâncias também é legal agradecer o feedback.

Mas, principalmente, aprenda com o que falam. Porque se alguém falou de você é porque existe algum acerto ou até erro, e é sempre bom nos avaliarmos!

Quando contratamos um profissional para cuidar da nossa imagem ele acompanha tudo de pertinho. Mas se você não tem, como a maioria, oportunidade de contratar alguém, faça você!

Gostou da dica?

Use com cuidado, ok? É fácil encher o e-mail de coisas que não valem a pena.

Se dicas assim são legais, comente aqui abaixo.

Nós queremos apenas contribuir com você, então sua opinião faz diferença!

Abraços!

Cadu Borbolla

“Empreenda psi, de mãos dadas com sua independência”

As 06 Características de um Empreendedor Inesquecível

Olá Psi, tudo bem? 🙂

Você já ouviu a metáfora – “Quem não é visto, não é lembrado”?

Pois bem, eu sempre falo isso para os meus clientes, mas também explico a eles o seguinte:

“ser visto” não é suficiente para se fazer “lembrado”.

Como assim, Cintia?! O.o

Ser visto é apenas uma das ações estratégicas que o empreendedor toma, mas ela sozinha não é suficiente para garantir que as pessoas se lembrem de você…

Para ser inesquecível, existe uma estrutura pessoal à sustentar. E essa estrutura só se levanta mediante a efetividade de algumas características:

 

  • 1 – Integridade

Honrar a sua palavra;
Ser verdadeiro com você e com as pessoas;
Seguir a ordem – SER, FAZER e TER.

  • 2 – Missão, Visão e Valores

Ter a percepção clara e bem definida do que faz e porque faz;
Nutrir a essência e integridade, para não se perder pelo caminho.

  • 3 – Maturidade

Definir limites;
Ter inteligência emocional;
Saber gerir conflitos e desafios.

  • 4 – Empatia

Compreender que as pessoas se desequilibram;
Reconhecer os méritos dos outros;
Valorizar o trabalho de parceiros ou colaboradores;
Se manter aberto.

  • 5 – Paciência

Saber aguardar uma boa oportunidade;
Aprender a conter a ansiedade;
Recuar quando for necessário.

  • 6 – Solidariedade

Manter-se disponível;
Manter ações voluntárias;
Gerar valor;
Dividir conhecimento.

Lembrem-se sempre:

Solidariedade, além de fazer bem para o coração, gera visibilidade! 🙂

Quando decidir dar início ao seu projeto empreendedor, tenha essas premissas em mente. Os tópicos parecem simples, mas a prática não é tão fácil, porque exige desenvolvimento interior.

Você pode ter um lindo projeto, um ótimo modelo de negócios, mas sem desenvolver essas premissas, à longo prazo, não se sustenta!

Compreender e dominar aquilo que você defende por aí, é fundamental para que possa atingir a excelência empreendedora, e, aqui, no Empreenda Psi, vamos ensinar você, como colocar em prática cada uma dessas ações. Vem com a gente!

Para o alto e avante!

Cíntia Milanese

“Empreenda Psi de mãos dadas com a sua independência”

De Mãos Dadas Com a Sua Independência